Minha Primeira Música – DJ Sem Vulgo

Postado por 26/12/2017

Desde criança minha família sempre foi muito religiosa, meus pais e a maioria dos familiares são cristãos protestantes e há 15 anos atrás as igrejas eram bem mais mente fechada para outros movimentos que não fossem os tradicionais, mas foi ali dentro que eu ouvi o que eu considero a minha primeira música, antes dela eu realmente não lembro de nenhuma outra ( parece exagero mas juro que é verdade ) foi ali, dentro de uma igreja que tudo começou pra mim.

Lembro-me como fosse ontem, no ano de 2004 quando eu tinha apenas 10 anos de idade e era totalmente excluído do mundo lá fora, não sabia oq era HIP-HOP, FUNK, etc…. minha vida se resumia a corinhos da harpa cristã e ali minha tia ( Tia Lú ) me apresentou o RAP, DJ ALPISTE era o nome, cara, ali tudo fez sentido, pq quando eu ouvi a primeira música do cd que era gravado no formato acústico eu não conseguia descrever oq eu sentia, era muito intenso e logo na introdução ele falou uma frase que eu nunca vou esquecer na vida

– “Seja bem-vindo a uma viagem super sônica chamada HIP-HOP” e ali começou realmente essa viagem, a partir desse cd tudo começou, juntei uma pá de mlk que fechava comigo apresentei isso e montamos um grupo de dança chamado New Life (b-boys), a partir disso eu comecei a discotecar nas famosas Gospel Nights, até me atrevi a montar uma banda aonde eu era o vocalista e cantávamos RAP GOSPEL;  só que a viagem era realmente grande e as paredes da igreja eram pequenas para conter um jovem que queria conhecer o mundo e esse mundo era o HIP-HOP.

Hoje estamos em 2017 e eu ainda estou dentro desse trem aprendendo mais a cada estação do mundo HIP-HOP e estamos só aquecendo os motores.

 DJ Sem Vulgo – Designer e dj da AUR,.

Assertividade: CHS Lança o Seu Novo Álbum “Tudo Pode Acontecer”

Por Matheus Iéti 04/05/2020

“Tanto faz o que ‘cê faz da vida, objetivo vai ser sempre um, dar conforto pra minha família meu patrão, não acredito em nenhum…” Assim CHS abre seu novo projeto oficial –  Tudo pode acontecer – (2020) Pirâmide Perdida. Contextualizando: Se você não está familiarizado com o rapper, posso te apresentar algumas faixas importantes ao longo de sua […]

Produção e Fotografia – Conheça: Sancho

Por Matheus Iéti 09/07/2020

Nas últimas semanas troquei idéia com quatro fotógrafos e descobri diferentes perspectivas de produção de conteúdo, olhar e, principalmente, de estilo na fotografia de rua.  Quanto mais o tempo passa mais percebemos a imensidão da criatividade e como ela é colocada em prática nos diferentes cantos da cidade, não sendo diferente com o Sancho que […]

Conheça o corre: I love my analog.

Por Matheus Iéti 26/06/2020

Ao longo das últimas semanas seguimos com a série: “Conheça o Corre” dentro dos artigos de costume do Radar. Este projeto visa entender o processo de criação de articuladores e articuladoras culturais que trabalham em mais de uma frente na produção artística  e de conteúdo. Posto isto, nos últimos dias bati um papo muito interessante […]

Conheça o corre: @_mulambo

Por Matheus Iéti 16/06/2020

Ao longo de 2019, nos conectamos com fotógrafas e fotógrafos no Rio de Janeiro. A experiência passada ao criar laços com esses e todos os outros articuladores culturais presentes no Radar vem sendo única e incrível. O cenário que estamos vivendo nos fez recorrer a outras formas de conexão dentro do processo de criação e […]