Conheça Bryan AVS

Postado por 26/04/2021

Sempre que um nome interessante surge no nosso radar, buscamos saber suas inspirações e o que levou esse artista a construir pontes com o público. Hoje vamos falar de Bryan AVS: DJ e produtor que acaba de anunciar seu segundo projeto, a mixtape “Peças”.

Sobre vida, arte e primeiras produções:

A arte está na minha vida desde moleque, em frequências que oscilavam desde a rádio JB Fm 99.9, passando pelas animações dos anos 1990/2000 indo para mundos diferentes através do meu antigo Nintendo 64.

As primeiras produções surgiram em 2015, no coletivo OVNI TEAM que possuía um estúdio em Bangu. As técnicas nessa época giravam em torno dos samples, já que eu sabia muito pouco sobre teoria musical e afins. As principais influências que tenho hoje são: Sade Adu, Jorge Ben Jor, Marvin Gaye, Wondagurl, A Tribe Called Quest, Kid Cudi e Nave Beatz.”

Sobre família e o amor da mãe:

“Nunca tive uma família populosa e também nunca conheci meus avós, meu pai sempre moldou um Bryan na cabeça dele que é completamente o oposto do que sempre fui, então partindo dessa perspectiva, minha mãe sempre foi meu início, meio e fim. 

Sou absurdamente grato por ela confiar em mim e me defender perante o senso comum, porque todos sabemos o que dizem sobre um homem negro, periférico que está tentando se desconstruir cada vez mais para construir algo mais sólido do que seus próprios sonhos.”

Sobre corres e os últimos projetos:

Eu gostei muito de participar das três partes do projeto Vênus da OVNI TEAM, o filme “BRYAN” pela Filme Sujo e o meu DJ Set que saiu pelo Circo Voador.

O desenvolvimento do primeiro single da minha próxima mixtape ‘Nada Como Antess’ urgiu como um belo desafio porque nunca tinha trabalhado com seis pessoas (os integrantes do varandão) em uma mesma faixa. O objetivo era soar como uma balada disco da nossa geração, onde pudesse ser expressas algumas das camadas que as relações afetivas possuem, como enxergamos e como relatamos isso de uma maneira adulta.”

Bryan diz que “Peças” terá seis faixas, com duas delas instrumentais. Todas as produções por sua conta e as participações são @varandaogang, @bingzera, @umanaoficial e @nobruwerneck.

AVS é um nome promissor na cena da Zona Oeste do Rio de Janeiro e você com certeza deve ficar ligado no seu trabalho.

O Peso que Djonga Carrega

Por Matheus Iéti 15/04/2021

O disco “Nu”, de Djonga, já está na pista há um mês. É o quinto da sua carreira e brotou pra continuar o legado tradicional que o rapper mineiro vem trilhando dentro da arte. Pedro Bonn foi direto na análise que disponibilizamos no nosso Instagram. Com certeza os principais acertos dentro do projeto são suas […]

Guia completo sobre POSS

Por Pedro Bonn 08/02/2021

Um conteúdo completo sobre a maior movimentação artística brasileira dos últimos anos (TESTE) TESTE

Assertividade: CHS Lança o Seu Novo Álbum “Tudo Pode Acontecer”

Por Matheus Iéti 04/05/2020

“Tanto faz o que ‘cê faz da vida, objetivo vai ser sempre um, dar conforto pra minha família meu patrão, não acredito em nenhum…” Assim CHS abre seu novo projeto oficial –  Tudo pode acontecer – (2020) Pirâmide Perdida. Contextualizando: Se você não está familiarizado com o rapper, posso te apresentar algumas faixas importantes ao longo de sua […]

Rico além do dinheiro: Filipe Ret e Imaterial

Por Matheus Iéti 26/04/2021

Depois de Audaz (2018), álbum que encerra uma trilogia muito consistente dentro do rap, que ainda conta com Vivaz (2012) e Revel (2015), Ret mostrou um crescimento fora da curva. Diferentemente do caminho que trilhou em seus três primeiros projetos, que somados a mixtape Numa Margem Distante (2009) fundamentaram sua carreira, o rapper entra em […]

Conheça Bryan AVS

Por Matheus Iéti 26/04/2021

Sempre que um nome interessante surge no nosso radar, buscamos saber suas inspirações e o que levou esse artista a construir pontes com o público. Hoje vamos falar de Bryan AVS: DJ e produtor que acaba de anunciar seu segundo projeto, a mixtape “Peças”. Sobre vida, arte e primeiras produções: “A arte está na minha […]

A indústria da música precisa do The Weeknd

Por Matheus Iéti 17/04/2021

Não é como se Abel Makkonen Tesfaye A.K.A The Weeknd fosse apenas um cantor pop que a cada lançamento arrasta multidões. A linguagem em todos os projetos, desde Echoes of Silence e Thrusday (2011) ou até mesmo Trilogy (2012) são marcados por uma linguagem suja e totalmente desproporcional ao que é vendido pela indústria dos […]